07/09/2023 às 12h53min - Atualizada em 07/09/2023 às 12h53min

'Grito dos Excluídos' faz caminhada em Maceió e alerta contra a fome

Movimentos sociais se concentraram na Praça Sinimbu, no Centro, e, de lá, saíram em caminhada para a orla de Jaraguá

Thiago Gomes
https://www.gazetaweb.com
'Grito dos Excluídos' faz caminhada e é recebido pelo governador em exercício - Ailton Cruz

Integrantes de movimentos populares e organizações sociais de Maceió participaram, na manhã desta quinta-feira (7), da 29ª edição do Grito dos Excluídos e Excluídas. Eles se concentraram na Praça Sinimbu, no Centro, e, de lá, saíram em caminhada para a orla de Jaraguá, onde foram recebidos pelo governador em exercício, Ronaldo Lessa (PDT).

Este ano, o lema escolhido pelos organizadores foi ‘Vida em primeiro lugar! Você tem fome e sede de quê?’. Manifestações semelhantes aconteceram em todo o Brasil, mobilizando pessoas ligadas à sociedade civil organizada que lutam por justiça social.

Aqui, sindicalistas, políticos e apoiadores de movimentos sociais chamaram a atenção do governo do Estado para problemas que afligem os trabalhadores do campo e das cidades, a exemplo da violência contra as pessoas em situação de rua e contra as mulheres. Ao lado de Flávio Saraiva, secretário de Segurança Pública, o governador em exercício, Ronaldo Lessa, prometeu dar uma atenção especial ao pleito.

No entanto, os movimentos querem chamar a atenção para o cenário da fome, que voltou a atingir grande parcela da população brasileira. Relatório divulgado em julho pela Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO) confirmou a piora dos indicadores de fome e insegurança alimentar no Brasil no ano passado.

Segundo a FAO, em 2022, 70,3 milhões de pessoas estiveram em estado de insegurança alimentar moderada, que é quando têm dificuldade para se alimentar. O levantamento também mostra que 21,1 milhões de pessoas no país passaram por insegurança alimentar grave, caracterizada por estado de fome.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://publicanews.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp