22/07/2023 às 15h46min - Atualizada em 22/07/2023 às 15h46min

Arcebispo de Maceió alerta sobre golpes envolvendo nomes de padres e paróquias

Redação do TNH1 |
https://www.tnh1.com.br
Reprodução

O Arcebispo Metropolitano de Maceió, Dom Antônio Muniz Fernandes, divulgou uma nota alertando a população sobre criminosos que estão utilizando nomes de padres para aplicar golpes em fiéis da católicos, em Maceió.

Os golpistas estão utilizando as redes sociais para pedir doações em nome de sacerdotes, paróquias e até mesmo congregações, alegando a realização de reformas em igrejas, capelas e até mesmo arrecadando dinheiro para falsas obras de caridade. 

A arquidiocese orienta que a comunidade católica fique atenta a esse tipo de campanha para não cair em armadilhas de golpistas e reitera que toda campanha realizada  em território Arquidiocesano sempre é amplamente divulgada. 

Confira a nota da íntegra:

"O Arcebispo Metropolitano, Dom Antônio Muniz Fernandes, vem através desta nota esclarecer a todo povo de Deus da Arquidiocese de Maceió que as paróquias, comunidades, santuários, seminários, congregações, novas comunidades, pastorais, movimentos, grupos, organismos e serviços não realizam  campanhas (rifas on-line,  sorteios, etc.) sem que venham a público informar a ação e a finalidade na qual será destinado o valor arrecadado.

Nos últimos dias têm circulado em redes sociais uma forma inescrupulosa de tirar dinheiro das pessoas e ainda tem sido usado o nome de padres, paróquias e/ou congregações religiosas da Arquidiocese com instuito de pedir valores em PiX ou espécie alegando ser para reformas de igreja ou capela e caridade com os pobres. Este tipo de atividade é totalmente repudiada por todo o cristão, em especial pelo Clero.

O arcebispo tem alertado  para o cuidado e vigilância que as pessoas devem tomar para não cair nesse tipo de golpe, pois toda campanha realizada pela Igreja em território Arquidiocesano sempre é amplamente divulgada, de forma oficial e com a identificação oficial, nas mídias da Arquidiocese e redes sociais das paróquias."


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://publicanews.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp