21/04/2024 às 16h18min - Atualizada em 21/04/2024 às 16h18min

Governador anuncia expansão do Polo Tecnológico e lança linha de crédito para setor de inovação

Cerca de R$ 10 milhões serão gerenciados pela Desenvolve e Finep, do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação, ao longo de três anos

Carlos Victor Costa / Agência Alagoas
https://alagoas.al.gov.br
Governador Paulo Dantas lançou linha de crédito para setor de inovações tecnológicas e anunciou nova rodada do Programa OxeTech Work para oferta de até 200 vagas de emprego Edvan Ferreira - Agência Alagoas

Como parte da política de fortalecimento do empreendedorismo criativo e sustentável, o Governo de Alagoas lançou uma linha de crédito para o setor de inovações tecnológicas do Estado. A iniciativa é da Secretaria de Estado da Ciência, da Tecnologia e da Inovação (Secti), em parceria com a Fundação de Amparo à Pesquisa de Alagoas (Fapeal) e a Agência de Fomento de Alagoas  Desenvolve/AL (Desenvolve). O anúncio foi feito pelo governador Paulo Dantas e ocorreu durante o lançamento de mais um edital para a nova rodada do Programa OxeTech Work, onde serão oferecidas até 200 vagas de emprego.

Durante a solenidade, o governador anunciou ainda a expansão do Centro de Inovação do Polo Tecnológico (CIPT), no Jaraguá. A ideia é que as obras tenham início no início de 2025 para ser entregue até o final de 2026. 

"Tenho certeza de que uma das nossas vocações é a área de ciência, tecnologia e inovação. Essa área fundamental para o desenvolvimento, para gerar mais oportunidade para todo mundo. Então, estou cada dia mais entusiasmado, motivado, feliz, com o desempenho econômico, mas também com os nossos avanços do ponto de vista do desenvolvimento humano", pontuou o governador.


Edvan Ferreira - Agência Alagoas

O secretário de Ciência e Tecnologia, Silvio Bulhões, destacou que virou rotina as boas notícias para a área tecnológica do estado. 

"Alagoas vive o melhor momento da história na política pública de ciência, tecnologia e inovação. Ao assumir o governo, o governador chamou a gente lá no Palácio e disse que a política pública de ciência, tecnologia e inovação seria prioridade no governo. Somente em 2023, no primeiro ano deste segundo mandato do governador Paulo Dantas, foram mais de R$ 50 milhões investidos", destacou Bulhões.

Edvan Ferreira - Agência Alagoas

Linhas de crédito serão disponibilizadas pela Desenvolve  

Denominado de Inovacred,  o programa, que terá as novas linhas de crédito serão disponibilizadas por intermédio da Desenvolve (Agência de Fomento de Alagoas), utilizando recursos do Fundo Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (FNDCT), providos através da Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), com previsão de investimentos na casa de R$ 10 milhões ao longo de três anos. A iniciativa busca promover o crescimento tecnológico e econômico através do apoio financeiro a projetos nas áreas de inovação de produtos e processos, energias renováveis e telecomunicações.

As linhas de crédito estão disponíveis para cinco portes de empresas, abrangendo desde microempresas a grandes corporações que operam ou pretendem desenvolver projetos nos campos de inovação tecnológica, energias renováveis e telecomunicações. O foco é apoiar entidades que buscam introduzir produtos inovadores no mercado ou aperfeiçoar seus processos produtivos, sendo R$ 6 milhões para as linhas de inovação, R$ 2 milhões para energias renováveis e R$ 2 milhões para telecomunicações.

Edvan Ferreira - Agência Alagoas

Empresas interessadas devem-se dirigir à Desenvolve para iniciar o processo de candidatura. É necessário apresentar um projeto que detalhe a inovação proposta ou a melhoria de processo. A agência, por meio de seu núcleo interno de técnicos especializados em projetos e finanças, irá realizar o enquadramento e análise das propostas, assegurando o alinhamento com os critérios estabelecidos pela Finep. 

"Nós estamos lançando aqui R$10 milhões e vou chamar de primeira etapa, porque uma vez esgotado esse dinheiro do Inovacred, nós iremos buscar mais para liberar para tecnologia. Vem mais novidades por aí", disse o presidente da Desenvolve, Eduardo Brasil. 

A expectativa é que essas linhas de crédito tenham um impacto significativo no setor de tecnologia e inovação de Alagoas, estimulando o desenvolvimento de novos produtos e serviços, melhorando os processos produtivos e fortalecendo o empreendedorismo inovador no estado. Além disso, a iniciativa visa consolidar Alagoas como um polo tecnológico relevante, atraindo investimentos e promovendo o crescimento econômico sustentável através da inovação.

OxeTech Work

O OxeTech Work foi criado com o objetivo de dar seguimento à capacitação técnico-profissional proporcionada pelo Programa OxeTech Lab (em laboratórios presenciais ou nos cursos online gratuitos), conectando os estudantes ao mercado de trabalho, fomentando não só o setor com estabilidade de carreira, mas também a economia alagoana como um todo, transferindo renda e qualificando a população. 

"Um programa fantástico de inserção de jovens no mercado de trabalho com base no conhecimento acumulado na formação desses jovens", destacou o presidente da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Alagoas (Fapeal), Fabio Guedes. 

Nesta nova rodada do programa, serão disponibilizadas vagas de trabalho na área de tecnologia, por meio da plataforma oxetech.al.gov.br. A empresa que também desejar procurar um profissional por meio do programa deve fazer seu cadastro na mesma plataforma.

Nas rodadas abertas até o momento, mais de 240 jovens (com critério único de terem mais de 18 anos) foram contratadas por empresas habilitadas, obrigatoriamente de Base Tecnológica ou Economia Criativa.

Por meio da Secti, o Governo de Alagoas paga a esse jovem R$ 1.500 durante seis meses junto à empresa. Após esse período, a empresa passa a assumir o salário do estudante por mais 12 meses, podendo ser definitivamente integrado ao quadro de funcionários ao final do processo.

Até o fim de 2026, a gestão de Paulo Dantas irá investir 200 milhões em ciência tecnologia e inovação. O Governo de Alagoas faz o maior investimento da história. 

Participaram da solenidade, entre outras personalidades, os secretários Vitor Pereira (Segov), Aline Rodrigues (Seagri), o deputado estadual Silvio Camelo e os reitores Josealdo Tonholo (Ufal) e Henrique de Oliveira (Uncisal). 


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://publicanews.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp