28/05/2023 às 17h39min - Atualizada em 28/05/2023 às 17h39min

Atropelamento com morte: Testemunhas que tentaram sinalizar Rua Paraná vão à delegacia para prestarem depoimento

Daiane de Jesus Oliveira, de 28 anos, morreu após ser atropelada; Segurança de casa noturna a agrediu, deixando vítima caída no meio da via

Por Fábio Wronski
https://cgn.inf.br/noticia
Reprodução

Nesta madrugada (28), Daiane de Jesus Oliveira, de 28 anos, morreu após ser atropelada por um veículo na Rua Paraná, no Centro de Cascavel.

Ela estava caída no meio da via, após ter sido agredida pelos seguranças da casa noturna Moonlight.

Câmeras de monitoramento mostraram o momento em que o funcionário do estabelecimento empurra a mulher na calçada, sendo que a vítima cai no chão e derruba o celular. Não satisfeito, o homem chuta os pertences da mulher para o meio da rua, quando ela vai atrás.

Uma luta corporal ocorre quando um segundo segurança chega e também começa a brigar com a vítima. Neste momento, o primeiro segurança dá um soco em Daiane, sendo que ela fica caída no meio da Rua Paraná.

Após isto, alguns clientes saem do estabelecimento e visualizam a vítima no meio da rua, momento em que um Golf segue pelo binário e eles tentam realizar a sinalização.

O motorista não freia e troca de faixa, passando em cima do corpo da mulher. Ela foi arrastada por vários metros e morreu em decorrência do acidente.

Nesta tarde, as pessoas que aparecem na imagem saído da Casa Noturna e tentando sinalizar a via, para impedir o atropelamento, deslocaram à Delegacia de Polícia Civil para prestarem depoimentos. Eles foram ouvidos pelo delegado de plantão para que a oitiva auxilie na investigação e elucidação total do fato.

A Empresa Moonligth emitiu nota, afirmando que repudia a atitude dos funcionários e irá colaborar com as investigações.

Confira na íntegra:

A empresa Moonlight vem por meio desta nota expressar sua profunda consternação em relação ao ocorrido na madrugada do dia 28/05/23. A segurança e o bem-estar de nossos clientes são de extrema importância para nós, e repudiamos veementemente qualquer conduta que vá contra esses princípios.

Nesse sentido, informamos que os seguranças envolvidos na situação foram imediatamente afastados de suas funções, enquanto aguardamos os desdobramentos das investigações. A Moonlight está colaborando plenamente com as autoridades competentes, fornecendo todas as informações e recursos necessários para esclarecer os fatos e garantir que a justiça seja feita.

Ressaltamos que a atitude desses seguranças não reflete os valores e padrões éticos estabelecidos pela Moonlight. Repudiamos qualquer forma de violência e garantimos que serão tomadas as medidas necessárias para evitar que situações semelhantes ocorram novamente em nosso estabelecimento.

Além disso, queremos enfatizar que estamos igualmente preocupados com o bem-estar dos familiares da vítima. Estamos disponíveis para prestar todo o suporte necessário nesse momento difícil, oferecendo apoio emocional e auxílio prático para amenizar o impacto dessa trágica ocorrência.

Reiteramos nosso compromisso com a segurança e o respeito aos nossos clientes. A Moonlight está empenhada em promover mudanças efetivas e aprimorar ainda mais nossos protocolos de segurança, garantindo um ambiente acolhedor e seguro para todos.

Agradecemos a compreensão da comunidade e reafirmamos nosso compromisso com a transparência e a justiça.

Assessoria

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://publicanews.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp