30/11/2023 às 18h39min - Atualizada em 30/11/2023 às 18h39min

Dentista é condenado a pagar quase meio milhão de reais após matar 12 onças no Acre

Extra Online
https://www.tnh1.com.br
Foto: Divulgação/MPF

A Justiça Federal condenou o dentista Temístocles Barbosa Freire ao pagamento de indenização no valor de R$ 429 mil, a título de dano moral e material pela morte de 12 onças Segundo as investigações, ele é responsável sozinho pela morte de mais de mil onças em três anos.

O grupo de caçadores ilegais que atua no interior do Acre foi denunciado pelo Ministério Público Federal (MPF) à Justiça Federal por agir há vários anos na região promovendo o abate de animais selvagens.

Temístocles Barbosa Freire, líder de grupo de caçadores do Acre, foi condenado pela caça e abate ilegal, ocorridos em 2016, de 12 onças-pintadas, 14 capivaras, sete porcos-do-mato e dois veados-vermelhos. A Justiça Federal determinou ainda que o dentista se abstenha de promover qualquer tipo de caçada ou prática análoga, sob pena de multa de R$ 100 mil por ato.

Do valor total, R$ 357 mil são para o pagamento de danos morais coletivos e R$ 71.5 mil pelo abate dos animais, valor que será revertido ao Fundo Nacional do Meio Ambiente.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://publicanews.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp