07/11/2023 às 17h09min - Atualizada em 07/11/2023 às 17h09min

Entenda o caso da jovem que gravou a própria morte a tiros pelo namorado

História por News Rondônia
https://www.msn.com
Entenda o caso da jovem que gravou a própria morte a tiros pelo namorado © Fornecido por Newsrondonia
Uma jovem identificada como Ielly G. A., de 23 anos, foi morta a tiros pelo próprio namorado, de 27 anos, na noite de sábado (4), em Jataí, na região sudoeste de Goiás. O crime foi registrado em vídeo pela vítima, que estava filmando o namorado, que estava segurando uma arma.

Nas imagens, é possível ver quando a jovem conversa com o homem em tom descontraído. Em certo momento, o namorado aponta a arma para ela e dispara. A vítima cai no chão e a gravação para.

Polícia Militar foi acionada e encontrou o namorado da jovem no Hospital das Clínicas, onde ela havia dado entrada com perfuração de tiro. A vítima já estava sem vida.

O namorado da jovem, identificado como Diego F. B., afirmou que estava conduzindo um veículo com a vítima quando foram abordados por uma motocicleta ocupada por dois indivíduos. Ele disse que o garupa da motocicleta sacou uma arma de fogo e disparou contra a vítima.

No entanto, a polícia desconfiou da versão apresentada pelo homem. Após analisar o celular da vítima, os policiais encontraram a filmagem da execução.

Diante disso, a PM prendeu o homem em flagrante por homicídio qualificado, caracterizado pela traição, emboscada, dissimulação ou outro recurso que dificulte ou torne impossível a defesa da vítima.

Relação conturbada

A mãe de Ielly G. A., Olesiane A., contou que a filha se relacionou com Diego por um ano e sete meses. Ela caracterizou o namoro dos jovens como uma relação conturbada, com idas e vindas e disse que, no dia em que Ielly foi morta, ela tinha dito à mãe que iria terminar o relacionamento.

A mãe explica que a filha sabia que Diego tinha uma arma, mas diz não saber se Ielly tinha conhecimento que o jovem a estava portando naquele momento. Segundo Olesiane, a filha não falava do relacionamento com frequência, mesmo que ela tentasse ajudar.

Segundo Olesiane, a filha não chegou a registrar nenhum boletim de ocorrência contra Diego durante o relacionamento. No entanto, ela contou um episódio sofrido pela filha relacionado a uma ex de Diego.

“Ano passado ele fez uma surpresa para ela, essa ex esteve no local e agrediu minha filha. Ela foi parar no hospital e teve que dar pontos no braço. Ele deu todo o suporte, mas depois disso foi ficando mais conturbado [o relacionamento de Ielly e Diego]. Ela chegava chorando, mas não gostava de falar”, detalhou Olesiane.

Prisão

Após encontrar a filmagem da execução, a Polícia Militar prendeu Diego em flagrante por homicídio qualificado. Ele foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil de Jataí, onde permanece preso.

O caso está sendo investigado pela Polícia Civil.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://publicanews.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp